Festa marca os 100 anos dos oblatos no Brasil

Na edição deste ano já estão confirmadas caravanas de vários municípios, como de Três Barras, Cascavel, Londrina, Curitiba, Ourinhos e São Paulo (Foto: Profeta)

{"autoplay":"false","autoplay_speed":"3000","speed":"300","arrows":"true","dots":"true"}

O Santuário de São José, em Apucarana, promove nos dias 27 e 28 a Festa dos Oblatos de São José. Além dos tradicionais festejos alusivos ao padroeiro dos trabalhadores, o evento também marcará o centenário da presença dos oblatos no Brasil.

O prefeito de Apucarana, Junior da Femac, destaca que a Festa de São José é um evento tradicional. “Na edição deste ano já estão confirmadas caravanas de vários municípios, como de Três Barras, Cascavel, Londrina, Curitiba, Ourinhos e São Paulo. Além disso, pelo quinto ano, Apucarana receberá a Rota da Fé que reúne peregrinos de 11 municípios da região de Campo Mourão e a chegada coincidirá com a Festa de São José”, reforça Junior da Femac.

O padre Antonio Luiz de Oliveira, pároco e reitor do santuário, informa que no dia 27 (sábado), às 9 horas, haverá momento de animação, oração e estudos de aprofundamento sobre São José. Às 12 horas, acontecerá a promessa dos leigos josefinos, seguida por um almoço. A programação tem continuidade à tarde com missa, às 15 horas, seguida de uma reflexão sobre o centenário.

No domingo, às 7h30, haverá missa com a participação dos romeiros e, a partir das 9h30, encontro com grupos específicos (jovens, profissionais de educação, interessados em participar de experiências missionárias, vocacionados e devotos de São José). A festa será encerrada com almoço no Santuário São José. “A festa, portanto, marca as festividades que acontecem no Brasil pelo centenário da presença dos oblatos e ainda o ano dedicado a São José na Congregação dos Oblatos no mundo todo”, assinala o padre Antonio Luiz.

CENTENÁRIO – O padre explica que a Congregação dos Oblatos de São José já existe há 135 anos. No entanto, os primeiros oblatos chegaram ao Brasil há 100 anos. “Tudo começou em 15 de setembro de 1919. Neste dia, eles partiram para a longa viagem da Itália ao Brasil. No dia 5 de outubro, eles chegaram ao Rio de Janeiro e, em 17 de outubro, finalmente, em Curitiba. Vieram para estas terras e aqui viveram e serviram como discípulos-missionários. ”, esclarece.

O padre Antonio Luiz afirma que neste ano a Festa de São José, em Apucarana, é uma preparação às comemorações oficiais do centenário. “As atividades para celebrar os 100 anos dos oblatos no Brasil iniciaram no ano passado, na Basílica de Aparecida do Norte, e o ponto alto acontecerá em Curitiba, nos dias 14 e 15 de setembro, com a presença de representantes de outras províncias, uma vez que os oblatos estão espalhados em 15 países”, afirma o padre.

Compartilhe