Com entrega agendada, Apucarana presenteia alunos do município com caixas de bombons

A entrega dos chocolates foi feita hoje (9/4) aos pais das crianças, seguindo à risca o protocolo de enfrentamento ao coronavírus estabelecido pelas autoridades de saúde

{"autoplay":"true","autoplay_speed":"3000","speed":"300","arrows":"true","dots":"true"}

Como tem sido feito todos os anos, desde 2013, por ocasião da páscoa, a Prefeitura de Apucarana presenteou os 12,5 mil alunos da rede municipal de ensino com caixas de bombons. A entrega aconteceu hoje (9/4) nos centros infantis e escolas, seguindo à risca o protocolo de enfrentamento à pandemia de coronavírus recomendado pelas autoridades de saúde. O processo licitatório para a compra dos chocolates foi concluído em fevereiro e os produtos já estavam no estoque do Departamento de Alimentação Escolar, da Autarquia Municipal de Educação.

“A gestão Beto Preto e Júnior da Femac dá esse mimo aos alunos como forma de valorizá-los e incentivá-los. Afinal, as crianças representam o futuro da nossa cidade. Para evitar a aglomeração de pessoas nas unidades de ensino, a entrega das caixas de bombons foi realizada em horários diferentes para cada turma, previamente marcados. Nós solicitamos que apenas uma pessoa de cada família fosse retirar o chocolate e que os indivíduos do grupo de risco permanecessem em suas casas. Todos os professores e servidores que estavam atendendo ao público dispunham de máscaras e álcool em gel,” detalhou a secretária de educação, Marli Fernandes.

O prefeito Júnior da Femac, por sua vez, destacou o esforço empreendido pela administração municipal para refrear a transmissão do coronavírus em Apucarana. “A saúde da população vem em primeiro lugar. Por isso, nós suspendemos as aulas por tempo indeterminado, decretamos o fechamento dos comércios avaliados como não essenciais, criamos um pronto atendimento específico para pacientes com suspeita de Covid-19, distribuímos 50 mil frascos de sabonete líquido e estamos adquirindo mil testes rápidos da doença. São medidas duras, mas necessárias para resguardar vidas e evitar a sobrecarga do SUS,” afirmou.

Ele pediu a compreensão dos apucaranenses a respeito das medidas adotadas. “A Páscoa será diferente neste ano, porém certamente mais significativa. Eu espero que os bombons tragam alegria às crianças e que todos nós consigamos encarar com sabedoria o período difícil que atravessamos, aproveitando-o para ficar o máximo possível em casa, compartilhar bons momentos em família, cuidar uns dos outros e renovar as esperanças de que dias melhores virão. Feliz Páscoa!” desejou.

Compartilhe